Incubadora Social lança catálogo de produtos personalizados

Incubadora Social lança catálogo de produtos personalizados

Incubadora Social lança catálogo de produtos personalizados
novembro 12
12:50 2019

Foi lançada na última sexta-feira, dia 8, uma nova linha de produtos personalizados, desenvolvidos pela Incubadora Social, um serviço da secretaria de Promoção Social que oferece oficinas de qualificação e formação profissional em diversas linguagens artesanais. Os novos produtos têm assinatura do artista plástico Daniel Ribeiro e da design Myrelle Godoi.

O novo catálogo de produtos artesanais inclui ímãs de geladeira, ecobags e panos de prato com estampas exclusivas que retratam os pontos turísticos mais importantes da cidade, através do olhar e da releitura em aquarela e estêncil. Os produtos já estão disponíveis para a comercialização na loja da Incubadora Social, localizada no Terminal Rodoviário (Avenida Mansur Frayha s/n – Jardim Elisabeth).

“É um sonho realizado”, resumiu a técnica de Referência da Incubadora Social, Patrícia Ávila. “O intuito agora é que a gente consiga ampliar. Já temos novos produtos a caminho”, completou.

O novo catálogo de produtos personalizados foi criado com o intuito de ampliar as ações da Incubadora Social e a geração de renda das 180 pessoas atendidas pelo programa. “Quero ressaltar a alegria que sentimos com cada passo dado pelo público atendido na Incubadora Social na direção de procurar ser o protagonista da própria história, de fazer aquilo que é significativo para cada um. É isso que vale a pena”, destacou a secretária municipal de Promoção Social, Luzia Teixeira Martins.

Também participaram da solenidade de lançamento o prefeito Sérgio Azevedo, o vice Flávio Faria, o vereador Álvaro Cagnani e o diretor regional da Sedese, Nelson Maure.

Incubadora Social

A Incubadora Social faz parte das ações desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Promoção Social e oferece oficinas de qualificação e formação profissional, em diversas linguagens artesanais, desenvolvendo as habilidades individuais e oferecendo condições para que pessoas em situação de risco e vulnerabilidade econômica e social possam resgatar sua condição produtiva, garantindo meios para melhoria e alcance da autonomia na consolidação de projetos de vida.

As oficinas acontecem na sede da Incubadora (no Terminal Rodoviário), nos CRAS e nas organizações da sociedade civil parceiras, ABACO e Galpão das Artes. Hoje, mais de 180 pessoas são atendidas por mês, sendo que aproximadamente 40 já estão na fase de comercialização dos produtos.

A artesã Edna Leite Ramos, que produz peças de bordado livre e crochê, está desenvolvendo novos produtos em “jeans” reaproveitado. “Entrei na Incubadora para aprender a fazer bonecas de tecido e também para ter assessoria técnica. Em casa, a gente borda, mas não sabe colocar preço, não tem visão de negócio e nem local para comercializar”, conta.

Ela, que conhece o programa desde o início de sua implantação, hoje também participa das oficinas de tear realizadas no Galpão das Artes. “Eu vejo uma evolução não só minha como das mulheres que aqui vêm. Acho o projeto extremamente importante e toda a equipe trata a Incubadora com muito carinho, fazendo com que as mulheres se empoderem ao longo do tempo, trabalhando e desenvolvendo novos produtos”, avalia.

As ações são desenvolvidas em duas frentes – oficinas de capacitação e assessoria – que atendem desde artesãos a prestadores de serviços em geral, visando ao aprimoramento da técnica e gestão do trabalho. As atividades são voltadas exclusivamente ao público atendido pelos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Centro POP e rede de atendimento socioassistencial.

Loja
Na sede da Incubadora Social, no Terminal Rodoviário, também funciona a loja para exposição e comercialização dos produtos em crochê, bordados, panos de prato, pinturas, bonecas, objetos em madeira, tapetes, peças feitas a partir de filtros de papel, doces e quitandas. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h e, aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h.

 

 

 

Compartilhar

Artigos Relacionados

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um novo?

Escrever um Comentário

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *