Bolsa Merenda chega a mais de 140 mil famílias em Minas

Bolsa Merenda chega a mais de 140 mil famílias em Minas

junho 19
16:33 2020

As famílias que não conseguiram se cadastrar para receber o Bolsa Merenda poderão receber em casa cartões bancários para ter acesso ao benefício. A ação ativa do governo de Minas foi necessária porque menos da metade dos alunos carentes da rede estadual que poderiam receber o valor fizeram cadastro por meio do aplicativo MGApp.

De acordo com o governo, 146.410 cartões serão enviados aos endereços cadastrados – os valores creditados variam de acordo com o número de estudantes na família, já que o benefício prevê quatro parcelas de R$ 50 por aluno.

Criado para minimizar os problemas enfrentados por crianças e adolescentes que estão longe das escolas por causa da pandemia, o Bolsa Merenda é um programa que beneficia famílias na faixa de extrema pobreza, cuja renda per capita não ultrapassa os R$ 89 por mês. Cerca de 184 mil alunos tiveram acesso às duas parcelas já pagas do benefício e devem receber a terceira parcela nesta quinta-feira (18).

Mas cerca de 196 mil alunos da rede estadual de ensino que têm direito ao Bolsa Merenda e ainda não se cadastraram no aplicativo, possivelmente por falta de acesso digital, receberam o benefício via cartão enviado pelos Correios.

O governo informou que, devido à dificuldade de acesso a alguns municípios, a expectativa é que a totalidade de cartões seja entregue em até 20 dias. Para garantir a segurança do beneficiário, a entrega será rastreada.

As famílias podem consultar se o aluno tem direito ao benefício pelo MGApp, aplicativo de serviços do Governo de Minas Gerais, no menu “Desenvolvimento Social” ou na página da Sedese: social.mg.gov.br.

Compartilhar

Artigos Relacionados

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um novo?

Escrever um Comentário

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *